15 junho 2012





Eu até ia apagar essa postagem aí embaixo.
Que ficou velha (que bom).
Mas ao invés disso só vou colocar a minha frase preferida de todos os tempos essa semana.


"But then they danced down the streets like dingledodies, and I shambled after as I’ve been doing all my life after people who interest me, because the only people for me are the mad ones, the ones who are mad to live, mad to talk, mad to be saved, desirous of everything at the same time, the ones who never yawn or say a commonplace thing, but burn, burn, burn like fabulous yellow roman candles exploding like spiders across the stars and in the middle you see the blue centerlight pop and everybody goes 'Awww!'."

Jack Kerouac - On the road



 


.: Mirana soprou às 21:31 :. .: 0 ventos alheios :.

 

12 setembro 2011




A Mirana é uma fingidora.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é inteligência
A inteligência que deveras tem.



 


.: Mirana soprou às 01:29 :. .: 0 ventos alheios :.

 

21 outubro 2010




"I can be changed by what happens to me. But I refuse to be reduced by it."
— Maya Angelou



 


.: Mirana soprou às 16:30 :. .: 1 ventos alheios :.

 

26 maio 2010




.: Someday :.

- um dia eu vou morar na minha - e só minha - própria casa
- um dia eu vou ter todos os meus papéis organizados
- um dia eu vou ter todas as minhas contas pagas organizadas
- um dia eu vou ter todas as minhas roupas organizadas
- um dia eu vou ter minhas maquiagens arrumadas
- um dia eu vou ter minhas bijouterias arrumadas
- um dia eu não terei mais hidratantes vencidos no banheiro
- um dia eu terei minha carta de motorista renovada
- um dia eu terei um carro de novo
- um dia eu vou atualizar os links desse blog
- um dia eu vou voltar a escrever nesse blog


- um dia eu vou ser tudo aquilo que eu posso ser



 


.: Mirana soprou às 14:04 :. .: 1 ventos alheios :.

 

27 abril 2010




você amigo(a), que mora sozinha como eu, pode chegar em casa e fritar um bife pra comer com arroz e batata.

mas se você amigo(a), como eu, tem o gene da insolência culinária, você chega em casa e prepara para si mesma o seguinte menu:


arroz integral ao açafrão
pommes-de-terre sautée aux herbs de provence
iscas de filet aceboladas com mix de pimentas e molho de soja


é só usar o poder dos vidrinhos de temperos. :-)



 


.: Mirana soprou às 12:37 :. .: 0 ventos alheios :.

 

16 abril 2010







 


.: Mirana soprou às 12:05 :. .: 0 ventos alheios :.

 

29 setembro 2009




.: Orgulho de filha :.

http://poemseverywhere.blogspot.com/




A propósito, caso ainda não tenha ficado tipo óbvio, esse blog e eu estamos em recesso.
Voltaremos com nossa programação normal.
Um dia.



 


.: Mirana soprou às 14:15 :. .: 0 ventos alheios :.

 

12 janeiro 2009




tanta coisa pra contar...!
ou não.

show da Madonna.
Natal.
Ano novo no Wyse.
ah, o Wyse...

ah, meus planos, metas e projetos.

viver de repente ficou mais gostoso.



 


.: Mirana soprou às 12:06 :. .: 0 ventos alheios :.

 

15 dezembro 2008




ai, como é bom fazer aniversário...!

como é bom fazer aniversário de cabelo novo - curtérrimo, desfiadérrimo. tudo!
como é bom conseguir controlar um pouquinho só da ansiedade, e passar o dia mais importante do ano relaxada, de havaianas, simplesmente conversando em volta de um guacamole com (quase) todas as pessoas mais importantes pra mim.

sobre a lista de presentes - reparem, já tem coisa ticada ali. minha mãe mandou me entregar uma embalagem por um motoboy de escafandro :-) ameeei.

aguardem a qualquer momento um post-retratação que irá finalmente revelar o que está fazendo o Paulo Coelho na minha wishlist.



 


.: Mirana soprou às 14:55 :. .: 1 ventos alheios :.

 

10 dezembro 2008




Eu consegui.



Minha vida não foi completa e magicamente transformada, como eu insisto em esperar que seja, em apenas 1h. Mas é uma semente, tenho certeza.

Fico feliz que eu tenha conseguido - me orgulho de tê-lo feito, não foi nada fácil.

Hoje eu me sinto bem.



 


.: Mirana soprou às 12:01 :. .: 0 ventos alheios :.

 

 


Mirana é uma existência efêmera nesse planeta, e isso a perturba um pouco, mas antes isso do que ser eterna. É relações públicas, finalmente graduada, enquanto deseja secretamente ser escritora de guias de viagem e/ou acrobata. Para viver precisa freqüentemente ler bons livros e dançar. Tem uma mãe sazonal, uma irmã essencial e um pai de quem não ouve mais falar, e vive bem assim, obrigada. É preguiçosa crônica, em tratamento, e tem apresentado sintomas claros de dependência do seu iPod. Guarda duas dúzias de pessoas no coração, e sempre se arrepende quando deixa passar muito tempo sem vê-las. Ama contemplar longamente o pôr-do-sol, o mar e a chuva. Já quis ter 42 anos, hoje vive bem com seus 30, mesmo se sentindo às vezes uma adolescente ingênua e espevitada, às vezes uma velha cansada e rabugenta. Tem TPM, mas nega até a morte. Vive em guerra com a balança e é preciso admitir que anda perdendo as últimas batalhas. Pretende ainda ter gatos e filhos, mas no momento declina da resposabilidade pela vida de outros. Veio ao mundo com uma missão pessoal e intransferível: ser feliz.




Email





Reduto da S.O.T.P.
Versos da Mariposa






 


Afrodite
Ah, bravo Figaro!
Andorinhas Ativas
Ao Mirante, Nelson!
Caixa de Jade
Calma Porra Nenhuma
Catarro Verde
Depósito do Calvin
É por aqui que vai pra lá?
e-Beth
Estrelinha
Gaveta de Criado-Mudo
Gente
I (still) blame my parents
Je Suis Marie
Liniers
Malvados
Meu Mundo
Modeletes
Mothern
Nêga do Leite
Objetos de Desejo
O Livro de Areia
Pensamentos de uma Batata Transgênica
Perto do Coração Selvagem
Poderosas Penélopes
Rafael Galvão
Satyricon
Sentimentalidades
Sim, eu OdeioSopa®
Sobreventos
Soninha
Superego
Tá Pensando o Quê?
te dou um dado?
The Book of Rodinia
The Clara Beauty Journal
Topismos
Viaje na Viagem
Zeca Camargo

Post a Secret
Revista YMSK

recados dos astros
e mais recados



CURRENT MOON




 




Gmail
Google
Getty Images
Iogurte
UOL



Help end world hunger







ImageShack - hospedagem gratuita de imagens






online




Março 2005
Abril 2005
Maio 2005
Junho 2005
Julho 2005
Agosto 2005
Setembro 2005
Outubro 2005
Novembro 2005
Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Setembro 2009
Abril 2010
Maio 2010
Outubro 2010
Setembro 2011
Junho 2012

Pré-História
Primórdios